Posts Marcados Com: Parreira

Acordou…

Ronaldo japãoMaior da história. Bastou uma boa apresentação de Ronaldo nesse mundial para ele se tornar o grande goleador de todos os tempos em Copas do Mundo. Com os dois gols marcados, o Fenômeno ultrapassou Pelé e se igualou ao alemão Gerd Muller como artilheiro, com 14 gols. E o atacante foi a grande atração da vitória do Brasil sobre o Japão na última rodada da primeira fase. A Seleção Brasileira venceu por 4 a 1 os nipônicos, se garantiu como melhor do grupo F e, o melhor, se apresentou bem. Como previsto, a entrada dos reservas deu um novo ânimo para o time. Parreira ousou mais do que era esperado e escalou Cicinho, Gilberto, Gilberto Silva, Juninho Pernambucano e Robinho. Continuar lendo

Anúncios
Categorias: Copa do Mundo, Seleção | Tags: , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Para embalar

O Brasil entra em campo hoje para ratificar, contra o Japão, a primeira colocação do grupo F e seguir como o principal favorito ao título mundial. O jogo será às 21h na Alemanha (16h aí no Brasil), no Westfallenstadion, em Dortmund. Parreira decidiu poupar alguns jogadores, em função da classificação antecipada, e com isso a partida pode ser a grande chance de alguns reservas mostrarem o quanto podem ajudar a seleção na Copa. Robinho é o mais cotado para ser titular entre os reservas. Mas durante a partida alterações também devem ser feitas para testar outros jogadores. Apesar de todos quererem ver o Rei das Pedaladas em campo, a minha maior perspectiva é ver Juninho Pernambucano no jogo. O jogador do Lyon está na sua melhor fase e provou isso nos treinos e quando teve chance nos amistosos. Além deles, Cicinho e Gilberto Silva devem ter suas chances. É uma ótima oportunidade pra ver a Seleção Brasileira jogando com vontade, já que os reservas vão entrar querendo mostrar serviço. A expectativa fica também para a atuação de Ronaldo, que está confirmado por Parreira. O jogador será acompanhado de perto pela torcida, assim como pela comissão técnica, que espera um melhor rendimento do Fenômeno, que segundo os médicos chegou no peso ideal. E como o Japão já está praticamente eliminado, não tem sentido as duas equipes serem tão precavidas. O time de Zico tem muita velocidade e um pouco de habilidade, mas é bem inocente na defesa. O jogo tem tudo para ser aberto e, finalmente, conseguir agradar os torcedores.

Local: Westfallenstadion, em Dortmund (Alemanha)
Árbitro: Eric Poulat (França)
JAPÃO: Kawaguchi; Moniwa, Nakazawa, Akira Kaji e Alex Santos; Ogasawara, Fukunishi, Nakata e Nakamura; Keiji Tamada (Seiichiro Maki) e Takahara
Técnico: Zico
BRASIL: Dida; Cafu (Cicinho), Lúcio, Juan e Roberto Carlos; Emerson (Gilberto Silva), Zé Roberto, Kaká e Ronaldinho Gaúcho; Ronaldo (Adriano) e Robinho
Técnico: Carlos Alberto Parreira

Categorias: Copa do Mundo, Seleção | Tags: , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Mais uma vez sem empolgar

gol_adriano_brasilO Brasil venceu a Austrália e está classificado para as oitavas-de-final da Copa do Mundo. Adriano e Fred marcaram os gols que garantiram a nossa equipe no prosseguimento da competição. Mais uma vez, a Seleção Brasileira começou dando sinais que poderia apresentar um bom futebol. Mas a forte marcação australiana não dava espaços e o Brasil se mostrou novamente sem vontade. No segundo tempo, logo no começo, Adriano aproveitou uma bela assistência de Ronaldo e abriu o placar. Depois, Parreira novamente colocou Robinho no lugar do Fenômeno e a seleção melhorou, acertando, inclusive, o travessão com Kaká. Mas também sofreu lá atrás com duas falhas de Dida, que não sabe sair do gol, e com uma defesa espetacular do próprio goleiro, além de duas boas intervenções de Zé Roberto, eleito o melhor do jogo pela Fifa. No final, o iluminado Fred marcou o segundo, logo após entrar na partida. Mais uma vez o Brasil apresentou um futebol pragmático e sem vontade, principalmente do quarteto mágico. O time errou muitos passes e parecia desentrosado, o que não dá para entender já que treina junto há mais de um mês. Ronaldo e Ronaldinho foram nulos em campos, não buscando o jogo e ficando bem escondidos. O camisa 9, apesar do passe para o gol e de ter tido uma boa chance, perdeu uma oportunidade incrível e foi muito lento em campo. A torcida apoiou o jogador o tempo todo e isso foi muito bom, mas Robinho melhorou a partida para nós. No próximo jogo, Parreira deve poupar alguns jogadores e com isso podemos ter, finalmente, um bom jogo do Brasil, já que os reservas querem mostrar seu futebol. Que se cuide o Japão.

Categorias: Copa do Mundo, Seleção | Tags: , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Vale classificação

O Brasil parte para o segundo confronto no grupo. Amanhã, o time de Parreira enfrenta a Austrália e pode garantir a classificação antecipada para as oitavas. O jogo será no Allianz Arena, em Munique, às 18h (13h aí no Brasil). O técnico da Seleção Brasileira, com a mesma formação que venceu a Croácia, quer que o time seja mais ofensivo e jogue “feliz”, esquecendo a pressão externa por uma boa apresentação. O adversário até cogitou poupar alguns jogadores visando o confronto decisivo com os croatas e já contando com a derrota frente o Brasil. Mas o técnico Guus Hiddink voltou atrás e escala o time titular. Dos jogos (amistosos) da primeira fase, acho que é o mais fácil para o Brasil. O time da Oceania é forte e bate muito, mas é nesta situação que a habilidade tem que prevalecer e por isso acredito em um bom jogo da Seleção Brasileira. Até porque, os jogadores querem mostrar serviço. Se entrarem com esse espírito, ninguém segura. Amanhã, vou bem cedo para Munique e volto depois do jogo pra Dortmund. Por isso a resenha e minhas experiências sairão na segunda-feira. Até lá. E tomara, com o Brasil classificado.

 

Local: Allianz Arena, em Munique (Alemanha)

Árbitro: Markus Merk (Alemanha).

BRASIL: Dida; Cafu, Lúcio, Juan e Roberto Carlos; Emerson, Zé Roberto, Kaká e Ronaldinho Gaúcho; Ronaldo e Adriano

Técnico: Carlos Alberto Parreira

AUSTRÁLIA: Schwarzer, Neill, Moore, Cahill, Culina, Emerton, Viduka, Kewell, Grella, Chiperfield, Kennedy, Wilkshire e Bresciano

Técnico: Guus Hiddink

Categorias: Copa do Mundo, Seleção | Tags: , , , , , | Deixe um comentário

Ronaldo tonto

Mais uma vez, Ronaldo foi a grande notícia da Seleção Brasileira. O jogador, que sentiu tontura na partida de estréia, voltou a sentir a mesma coisa ontem e, por isso, foi levado ao hospital à noite. O jogador fez vários exames, nada foi constado e, já melhor, treinou hoje normalmente. Na entrevista coletiva, que pude conferir mais uma vez pelo trabalho da assessoria da CBF, a estrela foi o médico José Luís Runco. No início da sessão, diversas e repetitivas perguntas foram feitas pelos jornalistas. Vários absurdos foram perguntados como, por exemplo, o que era uma endoscopia e se o problema tinha relação com a final de 98 (!!!). Porém, alguma coisa de interessante foi possível tirar das respostas de Runco: a sobrecarga de stress pode estar relacionada com os problemas físicos do atacante. Depois foi a vez de Parreira responder, quase sempre, sobre o camisa 9. O jogador está confirmado para a partida contra a Austrália. O treinador do Brasil também soltou uma pérola na coletiva. Perguntado sobre a dupla de ataque, ele disse: “Digo, sem querer ser redundante, que é um ataque de peso”. É o que a maioria está vendo…

Categorias: Seleção | Tags: , , , | Deixe um comentário

Brasil em campo!!!

É hoje! Para nós brasileiros, finalmente, a Copa começa. Às 16h (horário de Brasília), a Seleção Brasileira enfrenta a Croácia, na nossa estréia no torneio. Após quatro anos, o Brasil volta aos gramados para defender o título conquistado em 2002. E entra como grande favorito para conquistá-lo de novo. O time que vai para o gramado já está definido por Parreira há quase nove meses e não há dúvidas que, mesmo com a preferência por um ou outro jogador, é o melhor time do mundo. Cheguei em Berlim exatamente ao meio-dia (no fuso daqui) e em breve estarei indo para o estádio Olímpico de Berlim para entrar no clima da partida. Quem quiser conferir mais sobre essa arena, tem um bom texto publicado há pouco no Terra. Para lê-lo é só clicar nesse link ESTÁDIO OLÍMPICO DE BERLIM. A expectativa é grande e creio que o Brasil vai conseguir jogar bem. Segundo Parreira, a seleção ainda não está 100%, mas a diferença entre as duas equipes é tão grande que mesmo assim o Brasil é favorito disparado. Zebra? Bem, de todas as seleções do nosso grupo, considero a Croácia a mais forte. Por isso deve ser o jogo mais duro para o nosso selecionado na primeira fase. Entretanto, aposto numa vitória do Brasil por dois gols de vantagem. Palpite: 3 a 1.

 

Local: Olympiastadion, em Berlim (Alemanha)

Árbitro: Benito Archundia (México).

BRASIL: Dida; Cafu, Lúcio, Juan e Roberto Carlos; Emerson, Zé Roberto, Kaká e Ronaldinho Gaúcho; Ronaldo e Adriano

Técnico: Carlos Alberto Parreira

CROÁCIA: Pletikosa; Simic, Robert Kovac e Simunic; Srna, Tudor, Niko Kovac, Babic e Kranjcar; Klasnic e Prso

Técnico: Zlatko Kranjcar

Categorias: Copa do Mundo, Seleção | Tags: , , , , | Deixe um comentário

E em Königstein…

A Seleção Brasileira realizou mais um coletivo hoje entre reservas e titulares. Os reservas venceram por 3 a 0, com um show de Juninho Pernambucano, autor de dois gols. O mais preocupante, porém, foi como os gols saíram. Os dois primeiros tentos foram marcados após falhas da defesa. O primeiro, aliás, foi um erro primário de troca de passes e isso preocupou muito Parreira, que voltou vários lances para corrigir erros da defesa. Às vésperas da Copa, é um sinal de alerta para todos. E nesse dia, pelo menos, não tivemos polêmica envolvendo Ronaldo.

Categorias: Seleção | Tags: , , , | Deixe um comentário

Treino em Offënbach

Mais um treino foi realizado hoje. Desta vez foi em Offënbach e aberto para o público. Ronaldo não participou do coletivo programado, pois acordou com febre (nem ele resistiu ao tempo maluco da Europa). Parreira aproveitou para colocar Robinho no time titular. O jogador fez um dos gols no empate com os reservas em 2 a 2. Os outros gols foram marcados por Adriano, no time principal, e Mineiro e Luisão, para os suplentes. Durante o treino, um garoto invadiu o gramado e ganhou um autógrafo do Ronaldinho antes de ser retirado. Depois, o técnico da Seleção Brasileira deu uma coletiva, junto com o goleiro Dida, e o destaque ficou por conta da afirmação que só a vitória interessa na estréia, não importando se vai dar show ou não. Esse é o Parreira que eu conheço.

Categorias: Seleção | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Primeira coletiva de Parreira na Alemanha

Após o treino da manhã, o técnico Carlos Alberto Parreira deu a primeira coletiva na Alemanha. Graças ao trabalho de Rafael Fernandes, da assessoria da CBF, jornalistas sem credencial Fifa, como eu, puderam entrar para acompanhar a entrevista com o treinador da Seleção. O número de jornalistas aumentou significativamente com relação a Weggis. O maior aumento foi de jornalistas estrangeiros, de todas as partes do mundo, que agora estão acompanhando mais de perto o nosso time. Na coletiva, Parreira, contradizendo o que falou em Weggis, afirmou que o Brasil já está pronto e preparado para a Copa e que agora está trabalhando mais o psicológico dos jogadores. Destacou a vontade que os jogadores estão para jogar em equipe, deixando o ego de lado. Analisou de forma individual alguns jogadores, como Ronaldinho, Juan, Adriano, Zé Roberto e Lúcio. Sobre o melhor do mundo, disse que ele está mais maduro e melhorou suas habilidades desde a última Copa, na Coréia e no Japão. Afirmou também que Juan e Adriano, apesar de disputarem a primeira Copa do Mundo, não preocupam pois atuam há muito tempo no exterior e já possuem experiência suficiente para esse tipo de competição. Segundo o técnico, Zé Roberto é a ligação entre Émerson e Kaká e Ronaldinho. Com isso, para Parreira, o Brasil atua com apenas um volante fixo, ficando bem mais ofensivo. E por fim falou que os avanços de Lúcio fazem parte da natureza do jogador e que ele não vai impedir o zagueiro. Usou como argumento que mesmo com muitos desses avanços, o time nunca levou gol dessa forma. E emendou: “Espero que não seja na Copa que venhamos a tomar o primeiro gol assim”. É o que todos nós desejamos.

Categorias: Seleção | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Que venha a Copa do Mundo!!!

No último teste antes da Copa do Mundo, a Seleção Brasileira goleou a equipe da Nova Zelândia por 4 a 0 e agora se concentra para a principal competição do futebol mundial. Com estádio lotado, o Brasil encontrou muitas dificuldades no primeiro tempo para chegar ao primeiro gol. Com uma boa atuação da zaga e do goleiro adversário, a nossa Seleção só abriu o placar aos 42 minutos, com Ronaldo. O atacante, aliás, saiu cedo do jogo por conta de uma bolha no pé (nada grave, como Parreira cansou de repetir na coletiva após a partida). O segundo tempo foi mais fácil e Adriano, Kaká (um golaço, após uma arrancada de trás do meio campo) e Juninho Pernambucano (de novo!) marcaram. O técnico da Seleção Brasileira declarou que pediu para os laterais avançarem, ainda que ao mesmo tempo, para testar uma situação de jogo adversa. Por isso, não se acostumem com esse futebol tão ofensivo, com Cafu e Roberto Carlos apoiando toda hora. Agora, o Brasil vai direto para Königstein finalizar sua preparação pra Copa. Amanhã, eu vou pra lá e partimos rumo a uma nova aventura. E na sexta começa tudo!

Categorias: Seleção | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Novo massacre do Brasil

Com frio intenso (o termômetro bateu na casa dos 5º C), a Seleção Brasileira realizou o penúltimo amistoso antes de estrear na Copa do Mundo. Venceu o FC Lucerna por 8 a 0, com muito facilidade, e o principal: apresentando um bom futebol. Os gols da partida foram marcados por Kaká, Adriano (dois), Ronaldo (dois), Lúcio, Juninho Pernambucano e Robinho. No primeiro tempo, o Brasil demonstrou que o quadrado ofensivo está bem entrosado, com muita velocidade e passes precisos, envolvendo a frágil defesa adversária. A partir dos 15 minutos do segundo tempo, quando já estava 5 a 0 para o Brasil, Parreira testou alguns reservas. O destaque ficou, mais uma vez, com Juninho Pernambucano, com lindos lançamentos e um magistral gol de falta. No fim, valeu para ver um Brasil afinado, um Ronaldo com confiança, um quadrado mágico envolvente e um banco de reservas que pode dar conta do recado quando for necessário. A única preocupação ficou por conta dos avanços do zagueiro Lúcio. Ainda temos o que consertar, mas o Brasil já está num ponto bem interessante.

 

Categorias: Seleção | Tags: , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

O cara que não fala

Existem algumas figuras que quase nunca aparecem na mídia, às vezes por não saberem falar, às vezes por serem muito introvertidos. Essa última explicação é o caso do goleiro Dida. O jogador do Milan quase nunca dá entrevistas. Ele sempre passa direto pela zona mista, sem atender à imprensa. Alguns jornalistas até dizem que não sabem como é a voz do camisa 1 da Seleção. Hoje, porém, Dida deu uma coletiva para a imprensa. Ele recebeu o prêmio de segundo melhor goleiro do ano passado, entregue pela IFFHS (Federação Internacional de Futebol, História e Estatísticas). Na coletiva, Dida se expressou bem, mas foi visível o desconforto dele diante de tantos jornalistas. As perguntas, entretanto, não foram muito espinhosas (talvez até para respeitar a natureza do goleiro) e o destaque ficou para o fato do arqueiro do Milan ser o primeiro goleiro negro brasileiro em Copas depois de Barbosa, martirizado por uma falha na final da Copa de 50. Além de Dida, Adriano (melhor goleador) e Parreira (melhor técnico de seleções) também receberam prêmios da entidade. Amanhã, treino só à tarde. De manhã vou conhecer a região numa excursão 0800.

Categorias: Seleção | Tags: , , , , , , , , | Deixe um comentário

Treino da tarde de quinta e nova coletiva de Parreira

Mais um treino foi realizado na tarde desta quinta. Ao contrário da manhã, o treino da tarde não teve nenhum destaque maior. Parreira fez treino de fundamentos e mais uma vez o rachão com três times de sete. A torcida continuou com o mesmo entusiasmo, gritando sempre os nomes dos Ronaldos e de Dida (que já jogou no país). Até agora, depois de três treinos e muitas tentativas, não foi possível ver uma ola completa (eles não têm muita experiência nisso). Depois do treino, mais uma coletiva de Parreira, que sentou na cadeira do Kevin, rs. Ao contrário do que foi divulgado em alguns veículos de imprensa no Brasil, Parreira só tem elogios ao comportamento do público. O técnico da Seleção Brasileira ainda declarou que o Brasil não vai entrar 100% no jogo de estréia e que a partida de maior responsabilidade será a das oitavas-de-final. Por fim, falou que só realizará dois treinos táticos e um coletivo antes da Copa, frustrando a torcida que continuará a ver treinos como o de hoje.

Categorias: Seleção | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Primeiro treino com torcida

E o Brasil realizou o primeiro treino oficial na tarde desta quarta-feira, às 16h45 aqui em Weggis (9h45 no Brasil). Foi um treino leve, no qual Parreira fez um rachão e treinou pontaria. No rachão, o técnico da Seleção dividiu os jogadores em três times de sete e colocou Dida e Rogério se revezando no único gol (foi usado somente metade do campo). Vale para os boleiros de plantão:

Time Laranja: Juan, Edmílson, Roberto Carlos, Gilberto Silva, Juninho Pernambucano, Ronaldinho e Robinho. Continuar lendo

Categorias: Seleção | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Primeira coletiva de Parreira

O técnico da Seleção Brasileira, Carlos Alberto Parreira, concedeu hoje a primeira entrevista coletiva da fase de preparação para a Copa do Mundo. Ainda no inacabado centro de imprensa, Parreira chegou às 17h e respondeu às perguntas demonstrando tranqüilidade e bom humor, durante os 30 minutos de coletiva. Não apresentou nada a mais do que já vinha falando: o time da estréia já está definido e é o mesmo que terminou as eliminatórias. Ou seja, o Brasil entra em campo no dia 13 de junho contra a Croácia com: Dida, Cafu, Lúcio, Juan e Roberto Carlos, Emerson, Zé Roberto, Kaká, Ronaldinho, Adriano e Ronaldo. Muitas perguntas foram pertinentes e, mesmo que repetitivas, serviram para se ter uma confirmação de como será essa fase de testes. Porém, uma das perguntas mais inusitadas foi feita por uma repórter (sem preconceitos!) brasileira. Ela perguntou para o Parreira se ele estava em boa forma física para a Copa. A risada foi geral. Com bom-humor, o técnico respondeu que está bem e que o coração vai aguentar o torneio.

Categorias: Seleção | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.