Posts Marcados Com: Crespo

Lo de siempre…

MaxiOs jornais de amanhã no México vão estampar a famosa frase repetida em Copas do Mundo: “Jogamos como nunca. Perdemos como sempre”. Em um jogo repleto de emoção, os mexicanos foram derrotados pela Argentina por 2 a 1, com o gol da classificação dos argentinos saindo apenas na prorrogação. O jogo começou a todo vapor. Aos 4 minutos, Rafa Marquez aproveitou o cruzamento e completou pro gol, colocando sua equipe na frente. Mas a festa durou pouco, já que aos 10 foi a vez de Crespo aproveitar um cruzamento e empatar a partida. As duas seleções seguiram atacando, exigindo boas defesas dos dois goleiros, principalmente no segundo tempo. A arbitragem errou em lances capitais ao não expulsar um zagueiro argentino e anular um gol legal dos hermanos. Na prorrogação, foi a vez de Maxi Rodriguez aparecer. Ele recebeu lançamento de Sorín, matou no peito e, de fora da área e sem deixar a bola cair, acertou um chute no ângulo do goleiro Sanchez. Depois a Argentina se segurou como pode e utilizou a arte em que eles são mestres: a catimba. O México, sem forças, sucumbiu. E de nada adiantou os dois meses de preparação e concentração. Os mexicanos vão ter que esperar mais quatro anos. Agora teremos um grande clássico nas quartas-de-final: Alemanha x Argentina. Vai pegar fogo!

Anúncios
Categorias: Copa do Mundo | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Jogos de sábado

Carlos GamarraInglaterra e Argentina começaram com vitória a sua busca por mais um título mundial. Pelo grupo B, os ingleses venceram o Paraguai pelo placar mínimo. O gol foi marcado por Gamarra, logo aos três minutos do primeiro tempo, no gol contra mais rápido de todas as Copas do Mundo. Os Súditos da Rainha pareciam que iam golear o frágil time sul-americano, mas diminuíram o ritmo de jogo e levaram o placar até o final. O time foi seguro na defesa e muito bem no meio-campo. Por sinal, a seleção inglesa só conta com jogadores habilidosos no meio, descartando o volante destruidor que muitos dizem ser necessário. No ataque, o gigante Peter Crouch não teve uma boa atuação e travou o ataque inglês. Na outra partida do grupo, Trinitad Tobago e Suécia empataram sem gols, num jogo muito ruim. Os trinitários jogaram com um menos todo o segundo tempo e mesmo assim os suecos não aproveitaram, esbarrando na incompetência do ataque e no goleiro Hislop. Com isso, as chances do Paraguai se mantêm de pé. Os ingleses estão tranqüilos na primeira posição e podem até cochilar na próxima partida que ainda estarão bem no páreo.

Continuar lendo

Categorias: Copa do Mundo | Tags: , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.