Posts Marcados Com: briga

A batalha de Nuremberg

portugalForam dois jogos totalmente diferentes, mas Inglaterra e Portugal garantiram suas vagas da mesma forma. Primeiro, os Súditos da Rainha venceram o Equador por 1 a 0 em um dos jogos mais chatos da Copa. Os ingleses esbarraram durante toda a partida na boa marcação dos equatorianos. Apesar de mais volume de jogo, a melhor chance da partida foi desperdiçada por Tenório, que perdeu um gol incrível, em uma boa intervenção do zagueiro inglês Cole. Na segunda etapa, Beckham acertou uma falta da intermediária e fez o gol da vitória do seu time. Os sul-americanos, sem forças, não assustaram, mas deixam a Copa com a cabeça erguida. Um detalhe dessa partida é que, na porta do estádio do jogo, havia ingleses oferecendo até 2500 euros por um ingresso. Já a outra partida foi a mais emocionante do torneio. E também a mais violenta. Já no primeiro tempo, o jogador português Costinha foi expulso e Cristiano Ronaldo deixou o campo após uma entrada forte de um jogador holandês. O holandês Robben levou uma voadora dentro da área e o árbitro Valentín Ivanov nada marcou. E Maniche fez o gol para os portugueses, em uma jogada de dentro da área. Na segunda etapa, Ivanov demonstrou pulso fraco e o jogo descambou para a violência. O juiz expulsou mais três jogadores (um de Portugal e dois da Holanda), mas não evitou confusões, brigas, cotoveladas e cabeçadas. Mesmo com o clima tenso, houve espaço para futebol e as duas equipes poderiam ter marcado. A melhor chance foi perdida pelos holandeses. Após o apito final, Felipão e seus comandados fizeram muita festa. Inglaterra e Portugal será outro confronto das quartas-de-final da Copa do Mundo.

Categorias: Copa do Mundo | Tags: , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Festa com exageros na Alemanha

E a primeira rodada foi encerrada ontem com os jogos do grupo H. Primeiro, a Espanha encontrou muita facilidade e meteu 4 a 0 na Ucrânia, com gols de Villa (2), Xabi Alonso e Fernando Torres. A equipe de Schevchenko foi uma tremenda decepção e apresentou um futebol muito fraco. A Espanha dominou completamente a partida e mereceu a maior goleada da Copa até o momento. No outro jogo do grupo, Tunísia e Arábia Saudita ficaram no 2 a 2, em um jogo que surpreendeu pela emoção, sendo decidido só no final. Al Kathani e Al Jáber fizeram os gols para os árabes e Jaziri e Jaidi, aos 47 do segundo, fizeram os gols africanos. Com isso, todos os times têm chances de passar para a próxima fase.

Continuar lendo

Categorias: Copa do Mundo | Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Blog no WordPress.com.